Pular para o conteúdo

Seguro de vida, o que é?

10 Recomendações da MAPFRE antes de uma viagem de automóvel
O que é o seguro de vida e quais as suas coberturas?
 
Em pleno século XXI, cada vez mais informado sobre o funcionamento do mundo e os potenciais constrangimentos que podem ocorrer, é natural que dê por si a questionar-se sobre as melhores formas de se proteger e de proteger a sua família. Os media são importantes fontes de informação sobre o que tem acontecido no mundo e as formas como, de um momento para o outro, tudo pode mudar.
 
Fazer seguros tornou-se, por isso, mais comum para os portugueses, que desejam garantir uma maior estabilidade para si e para as suas famílias e acautelar potenciais situações que possam colocar em risco a sua saúde ou a sua vida. 
 
A realidade portuguesa – bem como a internacional – faz com que o seguro seja uma segurança importante para prevenir que uma situação de morte inesperada venha a causar danos financeiros a nível familiar, sendo inclusivamente obrigatório mediante a aquisição de alguns créditos de maior valor, como o crédito habitação.
 
A proteção da família, nomeadamente a nível económico, está no centro deste tipo de seguro. Assim, é natural que surja a questão: o que é o seguro de vida e para que serve?
 
Seguro de vida, o que é?
 
Esta é uma pergunta comum no quotidiano português, sendo que, além da procura voluntária por este tipo de serviço, a obrigatoriedade da sua contratação em situação de aquisição de créditos motiva também a dúvida. O seguro de vida é um seguro que garante o pagamento de um capital em caso de morte da pessoa segura, durante o período contratado. Adicionalmente pode usufruir do seguro em vida, no caso de incluir as coberturas complementares de invalidez, doenças graves, 2.ª opinião médica ou assistência, que funcionam em Portugal e no estrangeiro.
 
Para que serve o seguro de vida?

Existem vários motivos para se fazer um seguro de vida, sendo que um dos principais é a prevenção. A contratação deste tipo de seguro constitui uma garantia de que, no caso de falecimento da pessoa segura ou no caso de sofrer uma situação inesperada – por exemplo invalidez – os seus beneficiários não ficarão desamparados.
 
Além disto, mediante a aquisição de créditos de valor elevado – como acontece num crédito à habitação – a existência de um seguro de vida é o que garante à entidade credora que o valor da dívida será pago no caso do falecimento de quem contraiu o empréstimo. Assim, o seguro de vida torna-se uma das exigências obrigatórias deste tipo de entidade no momento de emprestar o valor necessário para a compra de casa.
 
Porque é importante ter um seguro de vida?

Porque todos estamos permanentemente sujeitos a riscos que podem afetar a nossa vida pessoal ou familiar, a nível económico. Com um seguro vida tem acesso a diversos apoios financeiros permitindo, por exemplo, beneficiar de um valor para fazer face a doenças graves ou invalidez, acabar de pagar a hipoteca da casa, pagar as despesas de educação dos filhos, manter um certo nível de conforto, entre outros.

A MAPFRE Seguros tem ofertas acessíveis de seguros de vida, que correspondem às principais necessidades de indivíduos e empresas.
Volta ao Topo