Menu principal

Simule o seu seguro

Animais Domésticos

Menu principal
Home > Sobre MAPFRE Portugal > Fundação MAPFRE > Viajar em Segurança > Transporte do recém nascido > Sistemas de retenção infantil integrados no veículo
|sistemas de retenção

Sistemas de retenção infantil integrados no veículo

Os sistemas de retenção infantil integrados no veículo, oferecem a facilidade de não ter de andar com o sistema às costas. No entanto, não oferecem a mesma segurança que um assento elevatório com encosto. Basicamente, este sistema é um assento elevatório que está integrado no banco do carro e que pode ser utilizado quando desejado, basta utilizar uma fixação para que o assento elevatório saia e a criança possa fazer uso dele.

Nem todos os fabricantes de carros têm disponível este sistema, e também não está disponível em todos os modelos. Além disso, deve ter em conta que os fabricantes de automóveis modificam o equipamento dos seus modelos de acordo com os países, por isso estes sistemas variam muito de país para país.. Existe uma grande diferença entre os veículos comercializados na Europa e os que são vendidos nos Estados Unidos da América, ou até mesmo na América Latina.Se estiver interessado, a melhor opção é ir diretamente a um concessionário e consultar se esta opção está disponível.

Fabricantes como a Volvo, Dodge, Seat ou Volkswagen oferecem este sistema. É de notar que este sistema é adequado apenas para crianças que já podem utilizar um assento elevatório sem encosto, já que é basicamente esta a segurança que oferece, ou seja, cadeirinhas do Grupo III (aproximadamente 22 a 36 kg e dos 6 aos 12 anos de idade), embora cada fabricante ofereça certas especificações que detalhamos abaixo. Todas as outras crianças devem utilizar um sistema de retenção infantil adequado ao seu peso e altura. Consulte aqui como escolher a cadeirinha.

A cadeirinha integrada no veículo é um assento elevatório que permite à criança utilizar o cinto de segurança do veículo, já que levanta a criança para ajustar o cinto corretamente.

Geralmente, existe a opção de escolher entre duas alturas. Desta forma, pode escolher a que melhor se adapta ao seu filho/a. Para isso, deve verificar o cinto de segurança, já que o cinto deve ficar perfeitamente ajustado sem pressionar o pescoço. É claro que esses assentos oferecem menos segurança do que os assentos com encosto, especialmente em impactos laterais.

Alguns fabricantes contam com um airbag de teto lateral para proporcionar proteção adicional à criança que utiliza este assento. Por exemplo, a Volvo ampliou estes airbags para melhorar a proteção da cabeça das crianças.

Estes assentos podem ainda ser transformados em bancos para adultos quando necessário, isto é, o assento é guardado no próprio banco (basta puxar uma alavanca para voltar a colocar o assento elevatório novamente).

No caso da Volvo, os assentos integrados são para crianças com mais de 95 cm de altura e mais de 15 kg; a Volkswagen indica que podem ser utilizados por crianças de 9 a 36 kg (as crianças do grupo I devem levar uma bandeja protetora concebida especificamente para esses assentos). No caso da Dodge, os assentos integrados são projetados para crianças de 22 a 39 kg e de 119 a 145 cm de altura. Aqui podemos ver um vídeo de como funciona o assento integrado da Dodge e da Volvo. A SEAT também oferece o assento integrado para crianças no seu modelo Alhambra. Neste caso, o assento é adequado apenas para crianças do Grupo 2 (15-25 kg) e do Grupo 3 (22-36 kg), de acordo com a diretriz ECE-R44. Tem uma ‘alça-guia’.

Resumindo, este tipo de assento integrado apenas deve ser utilizado em cadeirinhas dos Grupos II e III, altura em que a criança apenas utiliza o SRI para que o cinto de segurança proporcione proteção adequada. Sempre que utilizamos os assentos integrados devemos utilizar o cinto de segurança, pois é o elemento que protege a criança no caso de acidente ou travagem.

Além disso, devemos ter em conta que provavelmente será necessário comprar um SRI, já que este assento integral não é removível e, no caso de querer levar a criança noutro veículo, ela deve ir com outra cadeira.

No caso de utilizar esse tipo de assentos, lembre-se como deve ficar corretamente o cinto de segurança:

sistemas de retenção