Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|HOGAR-32~|

Casa

Informações úteis

Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|MASCOTAS-32~|

Animais Domésticos

Menu principal
Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|VIDA-Y-DECESOS-32~|

Vida

Menu principal

Profissionais Liberais

Transporte de carro

Carros particulares, de aluguer, táxis, etc. A lei pode variar de um país para outro. Por isso, recomendamos consultar previamente o regulamento de cada país. Em qualquer caso, é aconselhável que as crianças com menos de 150 cm (em alguns países como Espanha é obrigatório até 135 cm e recomendado até 150 cm) utilizem um sistema de retenção para crianças homologado e adaptado à sua altura e peso.

Devem viajar de preferência nos bancos traseiros. Em muitos países, tais como Espanha ou Portugal, é inclusive obrigatório, exceto em alguns casos.

O banco mais seguro é o central, pela distância que tem de ambas as portas. Se a cadeira auto tem o sistema Isofix e o banco central não tem este sistema, é aconselhável colocar a cadeira atrás do banco do passageiro da frente, do lado direito. O sistema Isofix evita erros de instalação e também oferece melhor acesso para a criança entrar e sair de forma segura. Em caso de colisão lateral, é mais provável que ocorra do lado esquerdo porque o trânsito vem nesse sentido nos cruzamentos. Aqui vemos a razão pela qual é melhor que a criança viaje atrás e no centro.

Defendemos que as cadeiras auto sejam colocados no sentido contrário à marcha. Devido à maior fragilidade do pescoço, o bebé deve viajar em contramarcha o maior tempo possível. Pelo menos até aos quinze meses. No entanto, no mercado existem cadeiras que permitem que as crianças viajem em contramarcha até aos 25 kg (peso normal aos 7 anos).

Devem ser evitados erros como ter uma criança no banco do passageiro da frente em contramarcha com o airbag ativado (deve estar sempre desligado) ou levar um bebé ao colo. Infográfico com todas as explicações.

Há situações em que pode não ser obrigatório, como no caso dos táxis urbanos. No entanto, na Fundação MAPFRE insistimos na importância de que as crianças até aos 150 cm utilizem sempre o correspondente sistema de retenção para crianças homologado e adaptado ao seu peso e altura.