Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|HOGAR-32~|

Casa

Informações úteis

Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|MASCOTAS-32~|

Animais Domésticos

Menu principal
Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|VIDA-Y-DECESOS-32~|

Vida

Menu principal

Profissionais Liberais

conselhos na escolha de um carro

Dez conselhos na escolha de um carro

1.Mais seguro não quer dizer mais caro.

É necessário informar-se sobre quais são os veículos mais seguros em termos gerais. O programa EuroNCAP (www.euroncap.com) é uma fonte de informações muito fiável.É aconselhável optar pelos melhores avaliados e, pelo menos, exigir sempre uma classificação geral de quatro ou cinco estrelas.

2.O banco traseiro é o lugar mais seguro para as crianças

O banco traseiro central é o lugar mais seguro, por estar mais afastado de qualquer zona de impacto, por isso, sempre que possível, a cadeira auto deve ser instalada nessa posição.

Atualmente, a lei exige que as crianças de 135 cm ou menos viagem no banco traseiro. Existem apenas três exceções para que possam viajar no banco da frente:

  • Veículo sem banco traseiro.
  • Todos os bancos traseiros ocupados por outras crianças com os seus respetivos sistemas de retenção.
  • Não seja possível instalar sistemas de retenção no banco traseiro.

No caso destas três exceções, a criança pode viajar no banco da frente. Deve ter em mente que nunca se deve colocar  uma criança virada para trás neste assento se não for possível desativar o airbag.

Importante: se um dos bancos traseiros laterais tiver um sistema isofix e a cadeira auto também tiver este sistema, é aconselhável colocar o SRI num dos bancos, pois há menos probabilidade de erro na sua instalação. Neste caso, é aconselhável o banco atrás do banco dianteiro do passageiro.

No caso de o banco central ter apenas o cinto de 2 pontos, a criança também deve ser colocada num dos bancos traseiros laterais com cinto de 3 pontos.

Se o banco de trás central não tem apoio para a cabeça e a criança é alta e precisa, também pode ser mais seguro usar um banco traseiro lateral com apoio para cabeça.

Entre os lugares laterais do banco de trás, o lado direito é mais seguro que o esquerdo, em primeiro lugar, porque permite que a criança entre pelo lado da calçada e não da rua e, em segundo lugar, porque o condutor pode ver melhor a criança quando sentada do lado oposto ao dele. No caso dos bancos para frente, o condutor pode ver melhor a criança através do espelho retrovisor quando a criança viaja sentada no banco central traseiro.

3.Sistemas extra

Alguns fabricantes concebem os bancos para interagir com os outros sistemas de segurança do veículo; por exemplo: airbags laterais.

Este sistema protege os passageiros nas colisões laterais. Como abrem rapidamente, é melhor colocar a criança no banco traseiro central.
A maioria dos fabricantes de veículos realiza testes de segurança para verificar o risco para as crianças se estes airbags laterais forem acionados. A NHTSA afirma que os benefícios de segurança são maiores do que as possíveis consequências de não usar.

4.Sistema de aviso ao tirar o cinto de segurança no banco traseiro.

Nos últimos anos, foram desenvolvidos vários dispositivos para lembrar aos ocupantes do veículo que devem colocar o cinto de segurança.Normalmente, existe uma luz no painel de controlo e um tom de aviso muito alto, cuja intensidade pode aumentar de acordo com a velocidade.Inicialmente, somente funcionava para o banco do condutor, mas existem novos sistemas que podem ser aplicados a qualquer banco.

5.Sempre melhor com ISOFIX

O sistema ISOFIX facilita muito a instalação das cadeiras auto, além de proporcionar mais firmeza e segurança. Existem veículos com este sistema em todos os bancos.

6.Este mecanismo ajuda a conseguir um ajuste correto do cinto ao corpo da criança.

É útil saber se é possível ajustar a altura dos cintos traseiros do veículo à altura que sai da carroçaria a faixa superior, também chamada faixa torácica.

7.O veículo deve ter um indicador ótico bem visível de portas mal fechadas.

É importante que o veículo tenha bloqueio de portas e vidros traseiros, para evitar que as crianças abram a porta por dentro.Isto também impede que as crianças coloquem o braço ou a cabeça para fora, com as consequências que isto pode ter com o carro em movimento.Os controlos estão no banco do condutor e também são úteis para estacionar e impedir, por exemplo, que as crianças saiam do veículo pelo lado com trânsito.

Atualmente, existem veículos que bloqueiam as portas ao atingir determinadavelocidade, mas se o seu veículo não for um destes, basta premir um botão e as portas são bloqueadas. Sistemas específicos de segurança infantil impedem que as portas sejam abertas do interior.

8.O fecho automático é um divertimento perigoso com o qual a criança tem a tentação de brincar.

Para evitar lesões se a criança coloca os braços ou o pescoço para fora quando o vidro está a fechar, existem veículos no mercado com um sistema de segurança que não fecha os vidros elétricos traseiros.

9.Com o tamanho das crianças, os espelhos retrovisores não são suficientes.

Tanto o sensor de obstáculos traseiros como a câmara traseira são dois sistemas muito eficazes para evitar sustos e acidentes com crianças. Cada vez mais modelos incluem estes extras, que são muito úteis na marcha-atrás no estacionamento.

10. Abertura interior da bagageira.

Quase todos os veículos do mercado oferecem a possibilidade de abrir a bagageira pelo interior. É particularmente útil no caso de ficar preso após um acidente.

11. Com a segurança dos seus filhos, não há extras a dispensar.

Existem outros extras que, indiretamente, contribuem de forma significativa para a segurança das crianças no veículo:

  • Sistemas de prevenção de colisões.
  • Sistemas de deteção de fadiga.
  • Sistemas de aviso para mudança de faixa involuntária.
  • Sensores de pressão de ar nos pneus.
  • Protetores solares traseiros e vidros traseiros fumados ou com proteção térmica.
  • Sistemas de ar condicionado e controlo da temperatura interior.
  • Espelhos interiores para observar os bancos traseiros sem ter de virar a cabeça, etc.