Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|HOGAR-32~|

Casa

Informações úteis

Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|MASCOTAS-32~|

Animais Domésticos

Menu principal
Menu principal

Simule o seu seguro

371691~|mapfre~|VIDA-Y-DECESOS-32~|

Vida

Menu principal

Profissionais Liberais

Home > Sobre MAPFRE Portugal > Fundação MAPFRE > A Cadeira Mais Segura > Escolha da cadeira > Conheça os principais sistemas antirrotação para as cadeiras auto
|

Conheça os principais sistemas antirrotação para as cadeiras auto

Top Tether, Pés de Apoio, Lower Tether…

O sistema ISOFIX fixa os sistemas de retenção para crianças homologados com estas ancoragens na parte inferior traseira. Se só contasse com estas duas ancoragens, as cadeiras estariam fixas. Mas, em caso de acidente, poderia ocorrer uma rotação ou giro. Isto é o que se procura evitar com o terceiro ponto de ancoragem do sistema ISOFIX.

Podemos dizer que o sistema ISOFIX é composto por duas ancoragens, às quais se fixa o SRC, e que estão localizadas na parte inferior traseira da cadeira. Os engates estão nos bancos traseiros, normalmente nos dois laterais, localizado entre o assento do banco e o encosto. Além disso, existe um terceiro ponto de ancoragempara fixar a parte superior do encosto da cadeira auto, o Top Tether ou o Pé de Apoio. Tanto o Top Tether como os Pés de Apoio são dois sistemas antirrotação.

O QUE É UM SISTEMA ANTIRROTAÇÃO?

Em caso de acidente de trânsito podemos distinguir duas fases. Uma, na qual a velocidade e a desaceleração fazem com que o corpo e todos os objetos saiam disparados para a frente na mesma velocidade do veículo. E a segunda, que ocorre quando o automóvel para, ocorrendo o retrocesso da cadeira auto. Neste momento, o terceiro ponto de ancoragem atua e evita que a cadeira auto possa dar a volta e sair por cima, impedindo a sua rotação.

Embora toda a força de retenção da cadeira seja transportada pelas ancoragens inferiores, o sistema antirrotação impede que a cadeira e a criança tombem.

O cinto de segurança não tem a mesma função que um sistema antirrotação. Há que ter em conta que quando utilizamos o sistema Isofix, em combinação com o cinto de segurança, não estamos a falar de um SRC com ancoragem Isofix no sentido certo da palavra.  O sistema Isofix procura não utilizar o cinto de segurança para evitar erros em sua instalação.

TIPOS DE SISTEMAS ANTIRROTAÇÃO

-TOP TETHER:  Este é um terceiro ponto de ancoragem e faz parte do sistema Isofix. Um cinto que fixa a parte posterior do encosto do SRC e que vai fixo na parte de trás do banco do carro, inclusive no porta-malas.

Este ponto de ancoragem superior está no porta-malas ou na parte traseira do banco do veículo (veja a nossa infografia).

É necessário consultar o manual do veículo para ver sua localização (se tem) ou encontrar o seguinte logo:

PÉS DE APOIO: Outro terceiro ponto de ancoragem. É a alternativa ao Top Tether. Utiliza-se com as cadeiras auto dos Grupos 0+ e I, tanto viradas para trás como para a frente.

Trata-se de um que devemos esticar até fazer contacto com o chão do veículo.

LOWER TEHER: É outro sistema destinado a evitar a rotação. Trata-se de um tensor que sai do encosto do sistema de retenção e se fixa no chão do automóvel. Normalmente no trilho fixo do banco dianteiro.

Alguns fabricantes, como a Römer, desenvolveram outros sistemas também destinados a evitar o cair da cadeira. Por exemplo, o Pivot Link. Neste caso, os conectores não estão na parte inferior da cadeira auto, mas sim a uma certa altura. Desta forma, numa colisão frontal, os conectores exercem uma rotação, empurrando a cadeira auto para baixo e absorvendo assim a energia. Também pode ser utilizado em conjunto com Top Tether ou Pé de Apoio. Só foi desenvolvido para cadeiras auto viradas para frente.