Pular para o conteúdo

Alimentos para combater constipações e gripes

Alimentos para combater constipações e gripes

Os dias começam a arrefecer e as gripes e constipações esfregam as mãos de contentes. Queremos que não lhe falte nada nesta batalha épica que se avizinha. Para isso, temos 7 dicas para que neste outono-inverno consiga passar ao lado dos dias de tosse e lenços de papel sempre à mão.

1. Cautelas e caldos de galinha
A sabedoria popular é, por vezes, tão acertada como algumas ciências. Por algum motivo há muitos anos que se consomem determinados alimentos sem que para tal exista uma explicação cientificamente comprovada. A canja de galinha é o primeiro prato de que nos lembramos nos dias em que a constipação está no auge. O facto de nos sentirmos tão reconfortados com este tipo de sopa deve-se ao frango conter aminoácidos que ajudam a eliminar o muco dos pulmões, e o caldo quente ajudar a manter as vias nasais húmidas. Assim, evitamos a desidratação e combatemos a inflamação da garganta rapidamente. Além disso, a canja de galinha ou o caldo de legumes podem também ajudar o corpo a livrar-se de uma constipação, parando o congestionamento e a inflamação das vias respiratórias.

2. Abaixo a “falta de chá”
Seja literal ou subjetivamente, nunca nos deve faltar o chá. Beber chá enquanto está exposto a condições atmosféricas adversas é uma grande ajuda no combate a infeções. As suas bactérias naturais são um forte aliado na defesa do organismo contra ataques externos. Para além disso, os líquidos quentes podem aliviar a dor de garganta e o congestionamento. Por exemplo, o chá verde acabado de fazer ou água quente com limão são ideais para ficar hidratado ao mesmo tempo que desentope o nariz. Aproveite para acompanhar o chá com uma torrada simples com manteiga e dê ao seu corpo um alimento fácil de digerir e que o irá ajudar a desequilibrar os pratos da balança no combate à doença.

3. Nunca é tarde para voltar a pedir chupa-chupas
Não é nenhuma brincadeira de crianças, falamos a sério. Para combater uma constipação, é fundamental estar hidratado. Ao conseguir manter bons níveis de hidratação, melhora de imediato o congestionamento nasal e do peito. Este tipo de guloseima é um excelente aliado pois junta o sabor a fruta à ingestão de açúcar para dar energia ao corpo. No final, não se esqueça de lavar os dentes. Entre uma constipação e uma cárie, venha o Diabo e escolha.

4. Picante desanuvia num instante
Podia ser um slogan dos anos 80, mas não é. A explicação é simples: os alimentos picantes são descongestionantes naturais que fazem o nosso corpo suar e trabalhar no sentido de nos livrar de vírus através da abertura dos poros. Por exemplo a pimenta, o wasabi ou o gengibre aliviam os sintomas de congestão. No entanto, utilize estas armas-secretas com cuidado: certifique-se que o estado do seu estômago lhe permite ingerir este tipo de condimentos.

5. Como o macaco gosta da banana
Não há conhecimento de algum dia terem sido vistos macacos constipados. Será por estes animais gostarem tanto de comer bananas? Não o podemos afirmar com total certeza, mas o que podemos dizer que a banana é uma excelente fonte de potássio, um elemento muitas vezes em falta no nosso corpo durante estados febris, de vómitos ou diarreia. A banana é uma excelente fonte deste mineral que nos ajudará a repor rapidamente os níveis normais de potássio.

6. Parta em busca da casa de Gengibre
Os famosos irmãos Grimm fizeram chegar até nós uma história de meninos que foram em busca de uma casa feita de gengibre. Mas esta dica não é nenhuma história para crianças. Pesquisas recentes mostram que o gengibre é bastante eficaz na prevenção de náuseas, funciona como calmante e previne doenças gástricas, como a prisão de ventre e os vómitos. Beber chá de gengibre alivia perturbações no estômago e ajuda a mantê-lo hidratado e ao mesmo tempo que acalma o seu estômago.

7. Pela boca protege o peixe
Se é pela boca que o peixe é capturado, é também pela boca que o pode ingerir e obter gorduras saudáveis fundamentais ao fortalecimento do seu sistema imunológico. Umas dessas gorduras é o tão falado Omega3, cujos benefícios, entre outros, são: a diminuição de doenças cardiovasculares e derrames cerebrais, redução da pressão arterial, ação anti-inflamatória e diminuição do colesterol. Peixes como o salmão, o atum e as cavalas são ricos em gorduras saudáveis. Para além disso, o peixe é fácil de cozinhar e digerir, muito importante a vários níveis em alturas que o nosso corpo pede repouso.

Para evitar e curar constipações e gripes, toda a ajuda é bem-vinda. Por isso, tire partido destas dicas e desfrute a 100% da época outono-inverno. Verá que até em tempo de céus cinzentos, frio e chuva é possível gozar dias ao ar livre e a fazer aquilo que mais gosta.
Saúde.


Fontes:
"The Best and Worst Foods to Eat When You're Sick", in Greatist [em linha], 2015, http://greatist.com/health/best-foods-eat-when-sick [consultado em 25.10.2016]
"Top 10 Foods for Preventing Cold & Flu", in Health [em linha], 2016, http://www.health.com/food/foods-to-prevent-colds-flu [consultado em 25.10.2016]
"The Best And Worst Foods For A Cold", in The Huffington Post [em linha], 2016, http://www.huffingtonpost.com/sarah-klein/foods-for-cold_b_1885300.html [consultado em 25.10.2016]
"10 Foods That Fight Flus And Colds", in Bodybuilding [em linha], 2016, http://www.bodybuilding.com/fun/10-foods-that-fight-flus-and-colds.html [consultado em 25.10.2016]

Volta ao Topo